FOTOS E...UMA OU OUTRA COISA

Março 20 2014

pai

é mais fácil ser filho nesta idade

já não há tanta rebeldia

as certezas diminuiram

que estranho

nunca te dediquei um poema

talvez tivesse mado...

não encontrar as palavras certas...

olhar para ti

ter-te ao meu lado

já era um poema

sim

foi isso

certamente

tanta coisa ficou por dizer

fica esta homenagem

este agradecimento

por tantos cansaços

tantas preocupações

que muito bem dissimulavas

um dia

repentinamente

sem motivo nenhum

nem aviso prévio

partiste

estás tão perto de mim

como antigamente

sinto o teu olhar doce

a repousar no meu

pai

amo-te

como sempre amei

 

até um dia

 

Autor:Acácio Almeida

publicado por detefegueiredo às 20:53

Zeca,afinal,mesmo feito um pouco à pressa,gostei muito.Parabéns,bjs.
detefegueiredo a 20 de Março de 2014 às 21:10

Simplesmente porque gosto...
mais sobre mim
Março 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14

16
17
18
19
21
22

23
24
25
26
27
28

30
31


favoritos

CAXINAS-Memorial

pesquisar
 
blogs SAPO